fbpx

3 Coisas Que Podem Estar Sabotando Sua Recuperação

NINGUÉM GOSTA DE SENTIR DOR

Bem, talvez alguns de vocês gostem. Cada um com seu gosto. Quando você está com dor, você faria de tudo para se livrar dela. Esta é a Lei da Autopreservação. Vocês precisam dessa lei para não morrerem. Morrer não é uma boa opção. O cérebro e o corpo possuem um objetivo, não morrer. Ele sacrificará qualquer coisa a longo prazo para o benefício de curto prazo do agora. Ele realmente não se importa com o amanhã. O cérebro só foca no AGORA. Qualquer decisão que ele tomar agora, ele pode se preocupar com as consequências depois. O presente é mais importante que o futuro.

 

 

Em nossa jornada para ajudar o corpo a se recuperar de lesões, nós acabamos com tentativas fracassadas de dar uma ajuda. Nós achamos que somos tão espertos, bem, nem tanto. Geralmente o que nos segura são nossas boas intenções. Uma das maneiras mais fáceis de se ajudar a ficar melhor é simplesmente sair do seu próprio jeito e sair de sua mente cerebral.

Pare de pensar demais. Vá para sua mente primitiva de sobrevivência. Esse cérebro não se importa com seus estudos do que deveria funcionar. Funcionar para quem? Para o corpo de outra pessoa. E quanto ao SEU. Ele é diferente dos outros. Oh, claro, você pode ter uma anatomia similar, mas a EXPERIÊNCIA de sua anatomia é única no universo. Ninguém mais a tem. Então, suas costas NÃO são iguais às costas de outra pessoa. Trate-a da mesma maneira que os outros e você pode ter resultados ruins.

 

 

SEJA ÚNICO

Pesquisas são legais. Elas mantêm os inteligentes ocupados. Porém, o fator mais importante que afeta o movimento e a dor é o ambiente. Aquele onde você vive. E quando foi a última vez que você ficou em um laboratório de pesquisas 24 horas por dia? Provavelmente nunca. Então vamos dar uma olhada nas três coisas que você está fazendo para tentar se ajudar que podem estar sabotando o seu progresso.

 

  • Fazer um exercício muito além do limite de segurança de seu sistema nervoso. Se você não conseguir respirar durante o movimento, você não domina o movimento. Você não aprenderá nada quando seu corpo entrar no modo de sobrevivência. Quando está ameaçado, o corpo volta aos seus hábitos comuns. Ele entra no modo padrão por compensações de proteção. Oh claro, você irá completar o movimento, mas o seu corpo aprenderá com ele? Não se ele estiver ameaçado. Se você não conseguir respirar, então você está ameaçado. Faça uma longa respiração diafragmática durante e no final de cada movimento, se você tiver problemas para respirar, pare e volte até conseguir.

 

A DOR É UM PEDIDO POR MUDANÇA

Mudança em seus hábitos. Se você mudar um hábito, não faça muito de uma vez.

 

A dor é um pedido por mudança

 

  • Se forçar durante movimentos dolorosos. Quando a dor começa, você para de aprender. A dor desativa o caminho para o novo aprendizado motor. O cérebro evita coisas que são dolorosas ou difíceis. Ele gosta de trapacear. Se ele puder escolher a saída mais fácil, ele fará isso todas as vezes. A dor não é a fraqueza deixando o corpo, a dor é um sinal de ação. Um sinal para mudar para um padrão que não machuque, para reaprender um padrão. Mover áreas de seu corpo que não estão com dor criará um melhor funcionamento em todas as outras áreas. Por quê? Tudo está conectado. Não há uma interrupção na continuidade da matéria viva. Mova mais as áreas sem dor. Pare de isolar a área afetada e integre o resto de seu corpo.

 

O MOVIMENTO NÃO PRECISA SER COMPLICADO PARA FUNCIONAR

Compre meu novo Vídeo de Streaming FORÇA VERDADEIRA: Movimento Restaurador aqui e aprenda como mover todo o seu corpo para se sentir melhor.

 

Força Verdadeira
Movimento Restaurador

 

A verdadeira força é ser capaz de controlar a sua massa corporal em todas as situações e ambientes. Voltar para o chão irá fazer isso. Você não pode andar enquanto não aprender a se mover e o primeiro lugar onde você aprendeu a se mover foi no chão. O chão revela seus déficits de força mais rápido do que qualquer ambiente. Ele também a reconstrói rapidamente.

 

  • Sempre tentar mobilizar e soltar o tecido pode deixa-lo pior. Só porque algo está enrijecido, não significa que precisa ser esticado ou solto. A rigidez é um mecanismo neurológico protetor de seu corpo contra uma suposta ameaça. Ele restringe o movimento para proteção. Se você estiver com movimentos instáveis, seu cérebro escolhe a melhor opção possível e restringe o movimento. Como? Rigidez, baixa mobilidade e dor. Esses são os resultados de proteção primitiva do cérebro. A estabilidade domina o movimento. Fazer uma articulação rígida se mover mais é fácil, mantê-la movendo não é. Pare de soltar as partes do corpo sem manter a estabilidade. Como? Mova-se mais no chão em um ambiente estável após se soltar. Você aprendeu a se mover no chão primeiro, então volte para ele para melhorar agora.

 

Aí está. Experimente e veja o que acontece. Ou você pode continuar fazendo mais e mais coisas com pouca ou nenhuma melhora. Às vezes, o caminho mais louco é o melhor para andar, principalmente quando o caminho das coisas antigas para de funcionar para você. Paz e compartilhem a magia. #compartilhemamagia

 

Fonte: Stopchasinginpaing

Autor: Dr. Perry

Tem alguma dúvida?

Fale com
a Dofit

Dúvidas? Pode enviar sua mensagem e nossa equipe responderá por e-mail ou Whatsapp.

© DoFit. 2022 - Todos os direitos reservados
Criado por deu lucro