fbpx

Quando e qual equipamento devo fazer a auto liberação miofascial?

Rolamento, Regeneração, Revitalização

Resposta curta; quando você puder. A princípio você pode precisar de sessões diárias ou duas vezes por dia para restaurar a saúde do tecido. Nesse período você pode sentir um pouco de desconforto, mas você também vai notar o quão rapidamente o desconforto diminui com a prática regular. Quanto à melhor hora do dia para fazê-lo, você tem duas opções:

  • Antes do treino para se preparar
  • Após o exercício (ou a qualquer momento) para se regenerar e se recuperar

Não há realmente um mau momento para fazer este trabalho se for necessário. Fazê-lo assim que acordar na parte da manhã afeta tecidos imediatamente antes que você tenha feito muito movimento. No entanto, isso pode não ser a coisa mais atraente para fazer logo após acordar.

Se a sua postura, alinhamento do corpo e movimento são significativamente ruins (mais agradável do que dizer “você é uma bagunça das grandes”), então fazer esse trabalho antes do exercício é, em minha opinião, essencial tendo em vista que este é o momento mais crítico para realinhar o corpo e restaurar a coordenação muscular saudável.

Após o treino a automassagem pode ajudar com a circulação ajudando a liberar os músculos que trabalharam arduamente. E se você está assistindo seu programa de TV favorito à noite, passe algum tempo fazendo um trabalho de automassagem para obter algum benefício físico no seu tempo inativo.

Na minha experiência, não há um momento ruim para fazer este tipo de trabalho, você pode tentar nos momentos citados acima e ver o que o seu corpo prefere. Seu corpo é muito inteligente e se você ouvi-lo mais e seguir a sabedoria do seu corpo, você vai tirar mais proveito de seus esforços e apreciá-los mais.

Fazer o Rolamento com o Que

Qualquer coisa, desde rolos grandes de deslocamento até pequenas bolas podem ser usadas para fazer a automassagem. Ferramentas maiores, como os rolos grandes redondos comumente usados, abrangem uma grande área de superfície e, em geral, proporcionam uma menor pressão pontual. Ferramentas de estilo portáteis como o Tiger Tail podem ser úteis para alcançar áreas sem a necessidade de deitar no chão. As ferramentas menores, como a bola de tênis ou bola de massagem de tamanho similar, proporcionam mais pressão pontual em uma área menor da superfície e podem ser boas para alcançar áreas mais profundas ou mais isoladas do que a automassagem nas áreas superficiais.

Duas dicas importantes:

  1. Suas veias são uma rua de sentido único – ao usar uma forte pressão, nas pernas especialmente, tente mover a perna, se possível. Há válvulas em suas veias que mantem o sangue em movimento – para cima – por isso é melhor dirigir o fluxo sanguíneo no sentido do fluxo da válvula para minimizar as chances de danos venosos.
  2. A sensação deve ser “desconfortável confortavelmente” em vez de intensamente doloroso. Uma resposta intensamente dolorosa leva a uma reação do corpo que faz com que os tecidos queiram recuar. Além disso, uma experiência altamente desagradável irá desencorajar a participação regular nestas atividades.

Também pode ser útil agendar um período massagem terapêutica regular – não uma massagem em um spa. Pois, mesmo com grandes ferramentas e esforço diário da sua parte, nada pode substituir as mãos hábeis de um massagista. O seu trabalho de automassagem individual pode te ajudar a tomar pequenos passos para a mudança consistente, enquanto o seu massagista pode perceber que áreas precisam de mais trabalho e, por isso, pode provavelmente fornecer um benefício maior em uma única sessão. Ao adicionar algum trabalho de automassagem adicional, você provavelmente vai descobrir que esses mesmos nós recorrentes que o seu terapeuta trabalha vão começar a diminuir ou podem desaparecer completamente.

 

Fonte:  IDEA Fit Tips, Volume 13, Edição 8.

Tem alguma dúvida?

Fale com
a Dofit

Dúvidas? Pode enviar sua mensagem e nossa equipe responderá por e-mail ou Whatsapp.

© DoFit. 2022 - Todos os direitos reservados
Criado por deu lucro